Quem batizou o rio São Francisco com esse foi o mesmo homem que deu nome ao nosso continente: o italiano Américo Vespúcio.

 

O rio São Francisco tem 2.700 quilômetros de extensão, praticamente a mesma distância entre as cidades de São Paulo/SP e João Pessoa/PB.

 

O São Francisco atravessa cinco estados e 521 municípios. Ele nasce em Minas Gerais e deságua no Oceano Atlântico, entre os litorais de Alagoas e Sergipe.

 

O São Francisco possui seis hidrelétricas em seu caminho.

 

O maior rio do mundo é o Amazonas, mas o maior rio inteiramente brasileiro é o São Francisco.

 

A Bacia do São Francisco atravessa três tipos de biomas: Cerrado, Caatinga e Mata Atlântica. O problema é que a expansão da agricultura tem diminuído de forma drástica e quase contínua as matas nas margens do rio, aumentando o seu assoreamento.

 

Sua nascente encontra-se na Serra da Canastra, estado de Minas Gerais. O Parque Nacional da Serra da Canastra é uma área de preservação de 70 mil quilômetros quadrados, uma das mais importantes do país.

 

O rio São Francisco recebe água de 168 afluentes, sendo que apenas 99 são perenes.

 

Entre os afluentes que formam a Bacia do São Francisco, vale lembrar do Rio da Velhas, Paracatu, Pardo, Grande e Cariranha. Esses rios fornecem água para uma população de 13 milhões de pessoas.

 

Os índices pluviométricos variam bastante ao longo do rio, sendo que ele recebe a maior parte da chuva em seus extremos, ou seja, na nascente e na foz.

 

A Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) é uma empresa do setor de energia que abastece diversos estados do Nordeste. Ela possui quase 10 hidrelétricas, a maioria no rio São Francisco. As mais conhecidas são Xingó e Paulo Afonso (detalhe: esta última é um complexo de hidrelétricas).

 

O São Francisco foi homenageado numa novela criada pelo dramaturgo e escritor Benedito Ruy Barbosa, exibida pela Globo em 2016. Batizada de Velho Chico, ela entrou para a história pela excelente fotografia e direção de arte, mas também pela morte trágica de um dos atores principais afogado no rio.

 

Fontes: Wikipédia, Guia dos Curiosos, Mundo Educação, UOL.

Share: