Comumente chamada de Grande ABC, essa parte da região metropolitana de São Paulo engloba sete municípios. São eles: Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra.

 

O município mais populoso do Grande ABC é São Bernardo do Campo, com 827.437 habitantes, e o com menor número de habitantes é Rio Grande da Serra, com 44.084 pessoas.

 

São Bernardo do Campo é o terceiro município mais populoso da Grande São Paulo, atrás apenas da capital paulista e Guarulhos.

 

As principais atrações turísticas do Grande ABC são Paranapiacaba (Santo André), Parque Estadual da Serra do Mar (São Bernardo do Campo), Cidade da Criança (São Bernardo do Campo) e Rota do Frango com Polenta (São Bernardo do Campo).

 

São Caetano do Sul foi durante anos a cidade com a melhor qualidade de vida do Brasil.

 

São Bernardo do Campo já foi distrito de Santo André e Diadema, distrito de São Bernardo.

 

Até meados dos anos 90, o Grande ABC foi o principal polo automobilístico do Brasil. Por lá, estão instaladas subsidiárias de empresas como Toyota, Mercedes-Benz, Scania, Volkswagen, Ford, Karman-Ghia e General Motors.

 

Sediada em São Bernardo do Campo – onde antes funcionava a fábrica da Simca –, a subsidiária brasileira da Chrysler produziu vários modelos com a marca Dodge. São eles: Dodge Dart, Dodge Charger e Dodge 1800.

 

A Chrysler brasileira produziu automóveis até o início dos anos 1980, quando foi adquirida pela Volkswagen. A antiga fábrica de São Bernardo do Campo começou a produzir caminhões da Volkswagen, mas, com o tempo, foi demolida. No local onde funcionou as fábricas da Simca, Chrysler e Volkswagen Caminhões funciona hoje (maio de 2018) um gigantesco depósito da rede varejista Casas Bahia.

 

Fundada em 1952, também em São Bernardo do Campo, A Willys Overland do Brasil montou os jipes Universal, o Itamaraty, o Aero-Willys, o Dauphine/Gordini, a Rural e o esportivo Interlagos.

 

A Karmann-Ghia surgiu a partir da união da marca italiana Ghia com a alemão Karmann. Detalhe importante: os automóveis da Karman-Ghia foram produzidos pela alemã Volkswagen. A fábrica brasileira foi inaugurada em 1960 na cidade de São Bernardo do Campo. Os primeiros automóveis saíram da linha de produção em 1962, sendo fabricados até a primeira metade dos anos 1970.

 

A fábrica da Karmann-Ghia ainda funciona em São Bernardo do Campo. O último veículo a sair da sua linha de montagem foi um Land Rover Defender, em 2006.

 

Situado em Santo André, o Polo Petroquímico de Capuava abriga uma grande concentração de indústrias químicas como a Chevron do Brasil, Quattor (ex-Petroquímica União), Recap (Refinaria de Capuava), Cabot, Oxiteno e Air Liquide, entre outras.

 

Diadema é conhecida pela grande concentração de empresas de cosméticos e beleza. Exemplos: Valmari, Davene, Pierre Alexander, Shizen, Di Larouffe e Nazca.

 

O ABC é o terceiro maior polo econômico do Brasil, atrás apenas das cidades de São Paulo e Rio de Janeiro.

 

A cidade de São Bernardo do Campo foi sede dos estúdios da antiga companhia de cinema Vera Cruz. Atualmente, quando não são alugados para filmagens de comerciais de TV ou longa metragens, os galpões da Vera Cruz abrigam eventos como feiras de negócios.

 

O principal (e maior) jornal diário da região é o Diário do Grande ABC.

 

O clima da região é subtropical, com verões amenos e invernos úmidos. São Bernardo do Campo, Santo André, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra são conhecidas pela garoa constante e pela neblina, comuns na maior parte do ano.

 

Os principais times de futebol da região são o São Bernardo, o Santo André e o São Caetano. A equipe com melhor atuação em campeonatos regionais foi o São Caetano.

 

Personalidades nascidas no ABC: Angélica (apresentadora de TV), Maurício Manieri (músico), Lucélia Santos (atriz), Regiane Alves (atriz), Cássia Kiss (atriz), Andreas Kisser (músico), Ocimar Versolato (estilista), Edson Cordeiro (cantor), Henri Castelli (ator), Vanessa Gerbelli (atriz), Dani Calabresa (apresentadora e comediante), Hugo Hoyama (atleta) e Walter Avancini (diretor de TV).

 

Share: