Descubra no texto a seguir algumas curiosidades interessantes sobre a longa e rica trajetória dos Rolling Stones. Quando surgiu a banda? Como surgiu o símbolo no formato de língua? E por que a banda se chama Rolling Stones? Confira.

 

Formada em junho de 1962, o The Rolling Stones é uma das mais antigas bandas de rock ainda em atividade.

 

O The Rolling Stones foi originalmente formado por Mick Jagger, Bill Wyman, Brian Jones, Charlie Watts e Keith Richards.

 

O nome da banda foi extraído de uma canção do músico de blues norte-americano Muddy Waters.

 

No início, a banda se chamava Rolling Stones Blues.

 

Ao contrário do que muito pensam, o nome da banda não foi inspirado na música Like a Rolling Stone, de Bob Dylan. A banda surgiu em 1962 e a música foi gravada em 1965.

 

A famosa língua do The Rolling Stones foi criada em 1970 por encomenda ao design John Pasche. Ela foi originalmente concebida como um símbolo anti-autoridade e sexy mas, com o tempo, acabou virando símbolo da banda.

 

A primeira vez que a banda subiu em um palco foi em 25 de maio de 1962, no famoso Marquee Club, em Londres.

 

A banda apareceu pela primeira vez na TV em junho de 1963, em um programa chamado “Thank Your Lucky Stars”.

 

Brian Jones, o fundador do The Rolling Stones, deixou a banda em junho de 1969. Um mês depois, seria encontrado afogado numa piscina.

 

Você sabia que existe uma teoria da conspiração que afirma que Brian, Jones morreu e foi substituído por um sósia que também morreu?

 

O primeiro álbum do The Rolling Stones saiu em abril de 1964. Detalhe: o repertório continha apenas uma música de autoria de Jagger e Richards.

 

Dizem que essa música só foi composta depois que Jagger e Richards foram presos numa cozinha pelo produtor da banda. Andrew Oldham, o produtor, teria alertado de que eles só sairiam de lá com uma música pronta.

 

Brian Jones foi substituído por Mick Taylor, que permaneceu no grupo até 1974. Sua participação como membro do grupo começou em um show em homenagem ao próprio Brian Jones.

 

Bill Wyman permaneceu no The Rolling Stones até 1993, depois de mais de 30 anos como baixista da banda.

 

Ron Wood entrou no grupo em 1974, em substituição a Mick Taylor.

 

Antes de entrar no The Rolling Stones, Ron Wood tocou com músicos como Jeff Beck e Rod Stewart. Em 1993 gravou com o ex-parceiro Rod Stewart um acústico MTV de enorme sucesso.

 

Mick Jagger e Keith Richards são amigos de infância. Eles chegaram a estudar no mesmo colégio.

 

Mick Jagger teve um filho, Lucas Jagger, com a modelo e apresentadora brasileira Luciana Gimenez. Aliás…

 

Você sabia que Mick Jagger tem outros seis filhos com quatro mulheres diferentes?

 

Segundo o biógrafo Chris Andersen, autor de Mick: The Wild Life and Wild Genius of Jagger, o vocalista Mick Jagger teria dormido com mais de 4 mil mulheres.

 

Você sabia que Mick Jagger já tentou a carreira de ator? Em 1970, ele participou de dois filmes: A Forca Será Tua Recompensa e Performance. O problema foi que nenhuma das duas produções fez sucesso.

 

Um dos sonhos do Mick Jagger pré-The Rolling Stones era exercer a profissão de jornalista.

 

O nome verdadeiro de Mick Jagger é Michael Philip Jagger; o de Charlie Watts é Charles Robert Watts; o de Ron Wood é Ronald David Wood; e o de Keith Richards é Keith Richards.

 

Keith Richards foi considerado o terceiro melhor guitarrista do mundo pela revista Rolling Stone.

 

Um trecho da música Satisfaction foi censurada nos Estados Unidos na época do seu lançamento. No programa The Ed Sullivan Show, ela foi substituída por um “bip”.

 

AfterMath, de 1966, foi o primeiro álbum totalmente assinado por Jagger e Richards.

 

O primeiro show do The Rolling Stones no Brasil aconteceu no início de 1995, mais de 30 anos depois da fundação da banda.

 

Keith Richards participou do filme Piratas do Caribe – No Fim do Mundo no papel do pai do personagem principal Jack Sparrow, interpretado por Johnny Depp.

 

Em 2002, Keith Richards e Mick Jagger apareceram no episódio How I Spent My Strummer Vacation, do desenho animado Os Simpsons.

 

O primeiro documentário a abrir o festival de cinema de Berlim em sua história foi Shine a Light!, uma produção de Martin Scorsese sobre o The Rolling Stones.

 

O maior show da história do Brasil foi o de Rod Stewart, no réveillon de 1994/1995, com 3,5 milhão de pessoas. O segundo maior foi o do The Rolling Stones, em 2006, com 1,3 milhão de pessoas.

 

Share: