Considerada uma das cidades mais bonitas da Europa, Praga, na República Tcheca, atrai milhões de turistas todos os anos. Percorra os tópicos a seguir e descubra algumas curiosidades sobre as suas torres, igrejas e população. Você certamente achará deslubrantes como a cidade.

 

Embora a República Tcheca seja considerada parte da Europa Oriental, Praga fica mais ao ocidente que Viena, que é considerada plena Europa Ocidental.

 

Além de capital da moderna República Tcheca, Praga foi também capital da antiga Tchecoslováquia.

 

Praga possui somente 1,26 milhão de habitantes, mas, acredite se quiser, chega a receber 6 milhões de turistas todos os anos.

 

A cidade é cortada pelo rio Vitava, o maior da República Tcheca.

 

Os moradores de Praga são os maiores consumidores de cerveja do mundo (que, não sem motivos, eles chamam de “pão líquido”). A cerveja é, aliás, mais barata do que a água nos restaurantes da cidade.

 

A fabricação de cerveja em Praga foi registrada pela primeira vez no ano de 993 depois de Cristo, no mosteiro Brevnov.

 

Se você se incomoda com fumantes, é melhor pensar duas vezes antes de visitar Praga ou qualquer outra cidade tcheca. É que quase todo mundo fuma. O fumacê em bares e restaurantes é bastante comum.

 

Seus moradores possuem fama de secos e mal-humorados, mas isso se aplica principalmente ao mais velhos. Os jovens são mais abertos e simpáticos, e o que ambos possuem em comum é o fato de serem reservados.

 

Foi num congresso realizado em Praga, em 2006, que a União Astronômica Internacional rebaixo Plutão à categoria de planeta-anão.

 

Um dos relógios astronômicos mais antigos do mundo fica em frente à antiga Câmara Municipal da cidade. Ele foi instalado em 1410 e é atualmente um dos pontos mais visitados pelos turistas.

 

Praga preserva muitas construções históricas – grande parte erguida durante a Idade Média, cabe aqui ressaltar – porque não foi muito bombardeada durante a Primeira e a Segunda Guerra Mundial.

 

O Castelo de Praga é, segundo o Guiness Book, o maior castelo do mundo. Foi construído no século IX e atualmente serve como residência presidencial. Em seu interior encontram-se a Catedral de São Vito, o Convento de São Jorge e o Palácio Real do Castelo de Praga.

 

Com 216 metros de altura e uma vista panorâmica da cidade, o ponto mais alto de Praga é a torre de TV. O artista David Cerny instalou algumas esculturas com bebês engatinhando nessa torre, mas o que era para ser apenas uma instalação temporária, acabou ficando definitivamente por lá.

 

A mais antiga sinagoga da Europa foi construída em Praga, em 1270. Ela está localizada no bairro de Josefov. Diz a lenda que algumas das pedras utilizadas em sua construção são do antigo templo do rei bíblico Salomão.

 

O Centro Histórico de Praga foi considerado Patrimônio Mundial da Unesco, em 1992.

 

Fontes: Wikipédia, Nômades digitais, Slavian Tours, Insider Praga.

 

Share: