Felinos são animais do filo Chordata (os animais com coluna vertebral), classe Mammalia (os mamíferos), ordem Carnívora (carnívoros) e subordem Feliformia. Veja a seguir algumas curiosidades sobre esses animais fantásticos. Você sabia, por exemplo, que é possível determinar a idade de um leão pela cor da juba?

 

As subfamílias dos felinos são: Felinae (que inclui o gato doméstico), Pantherinae (inclui o leão) e Acynonychinae (guepardo).

 

Os felinos mais conhecidos são: leão, tigre, onça, guepardo, leopardo, lince, serval, jaguatirica, leopardo-das-neves, gato selvagem e gato doméstico.

 

O rugido do leão pode ser ouvido a até oito quilômetros de distância.

 

Você sabia que é possível determinar a idade de um leão pela cor da juba? É que, quanto mais velho o animal, mas escura é a juba.

 

Um leão macho adulto pode medir 3 metros do focinho ao fim cauda e pesar até 200 quilos.

 

O leão é um felino totalmente sociável. Quem geralmente caça para o bando são as fêmeas. Os machos protegem o grupo enquanto um grupo de fêmeas cuida dos filhotes.

 

Ao contrário dos leões, o tigre é um animal solitário e que geralmente caça sozinho.

 

Se os leões são bons corredores (principalmente as leoas!), os tigres são excelentes saltadores. Tigres também se saem bem no nado, podendo nadar até 5 quilômetros.

 

Tigres normalmente tem medo de seres humanos. A exceção é o tigre-de-bengala do Parque Sundarbans, entre a Índia e Bangladesh. Não se sabe ainda o motivo, mas os animais dessa região incluem a carne humana no seu cardápio. Só para se ter uma ideia, eles chegavam a atacar 60 pessoas por ano durante a década de 80.

 

As listras dos pelos do tigre são uma espécie de impressão digital do animal. Nenhum tigre tem listas igual as dos outros.

 

Existem cerca de 100 raças de gatos, as mais conhecidas são: abíssinio, sphinx, angorá, persa, himalaio, siamês, pelo curto brasileiro e pelo curto americano.

 

Os primeiros indícios de domesticação dos gatos datam de 9.500 atrás, mas estudiosos afirmam que talvez seja ainda mais antiga.

 

Cerca de 10% dos ossos do gato se encontram na cauda. O motivo é simples: a cauda é responsável pelo equilíbrio do animal.

 

Os gatos possuem 32 músculos que controlam, imagine só, as orelhas. Elas podem girar até 180 graus e de modo diferente.

 

Proporcionalmente ao corpo, os gatos estão entre os mamíferos com os maiores olhos.

 

Os gatos esfregam o rosto em pessoas e objetos para marcá-los com o seu cheiro. O odor é deixado por glândulas na parte anterior do rosto.

 

A história de que os gatos tem sete vidas podia bem ser verdade! Cientistas norte-americanos estudaram o caso de um gato que caiu 21 metros sem sofrer nenhuma lesão. O caso mais incrível registrado até hoje é de um gato que despencou de 96 metros (o equivalente a 32 andares) e sobreviveu.

 

O guepardo é o mamífero mais rápido do mundo. Ele pode correr até 100 quilômetros por hora. Alguns indivíduos passam facilmente dos 120 quilômetros.

 

Como identificar um guepardo (ou chita, outro nome pelo qual o animal é conhecido)? Através dos anéis da cauda. Nenhum guepardo tem a cauda igual.

 

O guepardo foi usado como animal de caça na Itália renascentista.

 

Os linces surgiram na América do Norte há cerca de 12 milhões de anos e de lá se espalharam para o resto do mundo.

 

Considerado o maior felino das Américas, a onça pintada é encontrada em todo o continente – da Argentina até o norte do México.

 

Uma curiosidade que pouquíssimas pessoas sabem: a onça possui a mordida mais poderosa entre todos os felinos, até mais poderosa do que a do tigre do leão.

 

A onças são identificadas através das pintas. O padrão de pintas é único para cada indivíduo e funcionam como as impressões digitais humanas.

 

A jaguatirica é chamada nos Estados Unidos de ocelote.

 

Share: