O Movimento Hare Krishna angariou um enorme séquito de seguidores no Brasil, principalmente jovens. Mas quando e onde surgiu? Qual a sua filosofia? É verdade que os hare krishnas são vegetarianos? Percorra as próximas linhas e entenda o que é o Movimento Hare Krishina em 12 curiosidades.

 

Popularmente conhecida como Movimento Hare Krishna, o seu nome real é Sociedade Internacional para a Consciência de Krishna.

 

O Movimento Hare Krishna é uma religião e filosofia derivada do hinduísmo vaishnava, cujos seguidores são chamados de vaishnavas ou vaishnavistas. Essa escola do hinduísmo se distingue pela adoração a Vishnu e seus avatares Rama e Krishna.

 

O livro mais cultuado pelo movimento é o Bhagavad-Gita, que relata o discurso moral de Krishna com o jovem príncipe Arjuna sobre os valores fundamentais para alcançar a iluminação espiritual. Ele é o tema principal da obra Bhagavad-Gita – Como Ele É, escrito e comentado por Bhakitvedanta Prabhupada.

 

A imagem de Krishna tocando flauta simboliza a voz de Deus chamando todos que conseguem ouvi-la para trocar os prazeres terrenos pelos divinos.

 

A Sociedade Internacional para a Consciência de Krishna foi fundada na cidade de Nova York, Estados Unidos, por Bhakitvedanta Swami Prabhupada. Nascido na cidade indiana de Calcutá, Prabhupada imigrou para os Estados Unidos nos anos 1960.

 

Os hare krishnas, como são chamados os seguidores do movimento, chegaram ao Brasil na década de 1970.

 

Bhakitvedanta Swami era formado em química e atuou no ramo farmacêutico antes de fundar o movimento.

 

Entre os princípios seguidos pelos adeptos do Movimento Hare Krishna estão: não comer carne, não praticar sexo ilícito (o sexo só é permitido dentro do casamento), não participar de jogos de azar e não usar nenhum tipo de droga (com o detalhe de que isso inclui drogas lícitas como o álcool).

 

Fazer parte dos serviços práticos nos centros culturais e templos, peregrinar aos locais sagrados da religião, participar de atividades de pregação e ler os livros de Bhakitvedanta Swami estão entre os princípios adicionais da religião.

 

A não-violência e o vegetarianismo são praticas seguidas à risca pelos adeptos do movimento. Eles são contra a matança de qualquer tipo de animal, principalmente a vaca, considerada sagrada no hinduísmo.

 

Os seguidores de Prabhupada acreditam que Deus veio ao mundo há cerca de 5 mil anos como Krishna e mais tarde, no sul da Índia, como Gouranga. Creem ainda que o Bhagavad-Gita foi escrito pelo próprio Deus.

 

Os mantras repetidos pelos hare krishnas possuem uma função religiosa, além de serem músicas alegres. Eles têm como objetivo afastar os pensamentos ruins e os maus espíritos, além de conseguir uma “conexão com o plano espiritual”.

 

Fontes: Wikipédia, Dicionário das Religiões, Hare Krishnarana.

 

Share: