Os vírus da gripe já existiam antes da humanidade. Existem mais de três tipos circulando pelo mundo nesse momento, com o detalhe de que a maior parte surge na Ásia. Veja algumas pequenas curiosidades e informações sobre a gripe que vão te surpreender.

 

Os vírus da gripe já existiam antes da humanidade. Eles passaram a arranjar novos hospedeiros e adquirir novas mutações com a criação de animais e surgimento dos primeiros aglomerados urbanos.

 

Existem três tipos de vírus da gripe circulando pelo mundo, sendo o mais comum o do tipo A (como o da gripe suína). De 300 a 900 milhões de pessoas ficam gripadas por ano em todo o planeta.

 

Ninguém sabe exatamente o porquê, mas a maior parte dos vírus de gripe surge na Ásia. Eles circulam pela Europa e Estados Unidos antes de chegar ao Brasil.

 

US$ 71 bilhões, é esse o prejuízo causado pela gripe por ano só nos Estados Unidos.

 

A gripe espanhola, que surgiu no início do séc. XX, matou entre 30 e 50 milhões de pessoas. Muito mais do que a Primeira Guerra Mundial.

 

Na Rússia, a gripe espanhola era chamada de febre siberiana. Na Sibéria, porém, ela era conhecida por febre chinesa.

 

Quando alguém espirra, são lançados cerca de 5 milhões de vírus no ar a uma distância de 5 metros.

 

Os vírus dos resfriados (detalhe: são mais de 200 tipos de vírus) se instalam somente no nariz e na garganta. Já o ataque do vírus da gripe é mais amplo. Ele se espalha pelo corpo e atinge articulações e pulmões. Se você estiver “ruim da garganta” e com coriza, embora consiga manter a rotina, é resfriado. Se além de sentir-se mal da garganta, apresentar coriza, mal-estar, dores pelo corpo e ficar de cama, pode ter certeza de que é gripe.

 

O nariz vermelho, típico das pessoas gripadas, ocorre por causa do contra-ataque do sistema imunológico ao vírus invasor.

 

Como debilita o corpo, a gripe abre caminho para infecções por bactérias. Muitas complicações, portanto, não ocorrem devido à doença em si, mas às bactérias que encontram espaço (e fazem a festa!) no organismo.

 

Faringite é quando o vírus ataca a garganta, causando dor e vermelhidão. Se a pessoa perde a voz, é a laringite. Agora, se o vírus ataca os brônquios pulmonares, provocando dificuldade respiratória, é pneumonia.

 

A ingestão de líquidos durante a gripe ajuda a hidratar o corpo e o repouso poupa energia do corpo para o sistema imunológico.

 

A influenza A H1N1 mata cerca de 1% dos doentes, menos que a gripe comum. Mas nada comparado com a gripe aviária, que mata 61% dos doentes. Cruz credo!!!

 

Share: