Autora de livros como Ciranda de Pedra e Antes do Baile Verde, Lygia Fagundes Telles é uma das escritoras brasileiras de maior prestígio atualmente. Recebeu diversos prêmios literários, bem como teve sua obra traduzida para vários idiomas. Percorra as linhas abaixo e conheça algumas curiosidades bem interessantes sobre sua carreira e sua obra.

 

A escritora Lygia Fagundes Telles nasceu na cidade de São Paulo em 19 de abril de 1923.

 

Em virtude carreira do pai, Lygia passou quase toda a infância mudando de cidade. Morou em Sertãozinho, Assis, Itatinga e Apiaí.

 

Porão e Sobrado, o primeiro livro de contos de Lygia, foi lançado quando ela tinha apenas 15 anos de idade. Já o primeiro romance, Ciranda de Pedra, foi lançado quando ela contava 21 anos.

 

Embora tenha se lançado como escritora ainda cedo, Lygia achou que seria mais viável seguir a carreira de advogada. Ela estudou na Faculdade de Direito de São Paulo, no Largo de S. Francisco.

 

Foi na Faculdade de Direito que conheceu aquela que se tornaria uma das suas maiores amigas: a poetisa Hilda Hilst. Ao longo da vida, travou amizade com escritores como Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Carlos Drummond de Andrade, Clarice Lispector e Paulo Emílio Salles Gomes.

 

Lygia se casou duas vezes, sendo a primeira com Gofredo Teles Jr, de quem adquiriu o sobrenome; e a segunda, com Paulo Emílio Salles Gomes, seu amigo da Faculdade de Direito.

 

Escreveu juntamente com Paulo Emílio Salles Gomes o roteiro de Capitu, um filme inspirado em Dom Casmurro, a famosa obra de Machado de Assis. Dirigido por Paulo Saraceni, ele foi mundialmente lançado em 1968.

 

Eleita em 1985, Lygia foi a terceira mulher a entrar para a Academia Brasileira de Letras.

 

Em 2016, Lygia se torna a primeira mulher brasileira a ser indicada ao prêmio Nobel de literatura.

 

Possui posições políticas de esquerda, declarando-se mais de uma vez simpática ao socialismo.

 

Entre os livros mais conhecidos de Lygia, vale lembrar de Ciranda de Pedra, Antes do Baile Verde, As Meninas, A Disciplina do Amor, Verão no Aquário, O Cacto Vermelho, A Estrutura da Bolha de Sabão e As Horas Nuas.

 

Ciranda de Pedra, um dos seus romances mais conhecidos, foi transformado em novela em 1981 pela Rede Globo e exibida no horário das 18h. Seu elenco incluía os atores Eva Wilma, Adriano Reys, Sílvia Salgado e Lucélia Santos. Ciranda de Pedra teve um remake exibido em 2008.

 

Lygia foi agraciada com diversos prêmios, entre os quais o Jabuti e o Camões. Instituído pelos governos do Brasil e de Portugal, o Camões é um dos mais prestigiados prêmios da língua portuguesa.

 

Em entrevista à imprensa, Lygia declarou que considerava A Disciplina do Amor seu melhor livro.

 

Fontes: Wikipédia, Instituto Moreira Salles, Nova Escola, UOL.

 

Share: