Percorra as linhas abaixo e descubra algumas curiosidades e informações interessantes sobre o Distrito Federal, cujo Plano-Pilo é nacionalmente conhecido como Brasília. Saiba mais sobre a sua topografia, população e renda, entre outros temas. Você sabia, por exemplo, que o DF é a quarta região metropolitana mais populosa do país?

 

O Distrito Federal é onde fica a sede administrativa do governo brasileiro. Seu núcleo urbano é nacionalmente conhecido como Brasília.

 

O Distrito Federal surgiu a partir da ideia de transferir a capital federal para o centro do país, mas propriamente para a divisa entre os estados de Goiás e Minas Gerais. Quem a levou adiante foi o ex-presidente da República Juscelina Kubistchek.

 

O Distrito Federal não possui municípios, mas regiões administrativas. Entre elas, podemos citar Ceilândia, Taguatinga, Gama, Paranoá, Samambaia, Planaltina, Plano Piloto, Recanto das Emas, Sobradinho, Cruzeiro e Águas Claras.

 

As regiões administrativas mais populosas são, pela ordem: Ceilândia, Samambaia, Taguatinga e Plano Piloto.

 

Com 220 mil habitantes, o Plano Piloto é a sede administrativa do Distrito Federal, ou o núcleo da região. Essa região administrativa é mais conhecida como Brasília.

 

As regiões administrativas são comumente chamadas pela população e pela imprensa de cidades-satélites.

 

O Distrito Federal possui em seu entorno cerca de 30 municípios dos estados de Minas Gerais e Goiás. Conhecida oficialmente como Região Integrada do Distrito Federal e Entorno, engloba cidades como Águas Lindas de Goiás, Luziânia, Valparaíso de Goiás, Novo Gama, Formosa, Unaí e Santo Antônio do Descoberto.

 

O Distrito Federal é a quarta região metropolitana mais populosa do Brasil. Ele possuía no ano de 2018, em torno de 4,3 milhões de habitantes.

 

O PIB do Distrito Federal e cidades do entorno é o terceiro maior do Brasil, ficando atrás apenas das regiões metropolitanas de São Paulo e Rio de Janeiro.

 

A Região Integrada do Distrito Federal possui atualmente o segundo maior IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) de todo o país, através somente da cidade de São Paulo. O problema é que ela também possui uma das maiores desigualdades, facilmente percebida na região conhecida como Estrutural.

 

Entre as Regiões mais pobres do Distrito Federal (ou seja, onde a desigualdade é maior) estão o Recanto das Emas, Samambaia e São Sebastião.

 

A diferença de Brasília para outras cidades brasileiras é que seu plano urbanístico foi totalmente planejado desde o início. Ainda hoje, o seu projeto é considerado um dos mais completos e modernos do mundo.

 

Um dos principais cartões-postais do Distrito Federal é o Lago Paranoá, formado a partir do represamento das águas do rio Paranoá.

 

O Distrito Federal abriga o maior parque urbano de toda a América Latina, o Parque Nacional de Brasília.

 

Brasília recebeu em abril de 1987 o título de Patrimônio Cultural da Humanidade, concedida pela UNESCO, um dos principais órgãos ligados à Organização das Nações Unidas.

 

Os moradores do Distrito Federal não elegem prefeito. Lá, só existe voto para deputado, senador, governador e presidente da República. Se é assim, quem ocupa o lugar do prefeito? Os administradores escolhidos pelo governador local.

 

Mais da metade de população do Distrito Federal é formada por pessoas nascidas em outras regiões.

 

O Distrito Federal localiza-se no chamado Planalto Central, onde a temperatura média anual é de 21º Celsius. A vegetação natural predominante é o Cerrado.

 

Crédito da imagem: Pixabay

 

Fontes: Wikipédia, Brasil Escola, Mundo Educação, BOL, G1

 

Share: