Alagoas é o segundo menor estado brasileiro, maior apenas que Sergipe.

 

As cidades mais populosas do estado de Alagoas são, por ordem: Maceió, Arapiraca, Rio Largo, Palmeira dos Índios e União dos Palmares.

 

Maceió, a capital alagoana, possui em torno 1 milhão de habitantes. É a 17ª cidade mais populosa do país.

 

A região metropolitana de Maceió engloba municípios como Rio Largo, Satuba, Marechal Deodoro, Coqueiro Seco e Barra de Santo Antônio.

 

Situada na região metropolitana da capital, Rio Largo é a terceira cidade mais populosa de Alagoas. O nome Rio Largo originou-se de um engenho de açúcar existente no local.

 

Localizada no agreste alagoano, Arapiraca é a segunda cidade com maior população do estado. Por ser um dos maiores produtores de tabaco do Brasil, tornou-se conhecida nos anos 70 como a “Capital do Fumo”.

 

A cidade de Marechal Deodoro recebeu esse nome em homenagem ao militar, político e proclamador da República Deodoro da Fonseca. O Marechal Deodoro foi o primeiro presidente do Brasil.

 

União dos Palmares fica na Microrregião dos Quilombos, na Zona da Mata alagoana. Foi nessa região que surgiu o Quilombo dos Palmares, o maior da história do país. Ele chegou a ter cerca de 30 mil habitantes em seu apogeu. Seu principal líder foi Zumbi dos Palmares.

 

Palmeira dos Índios é conhecida como a terra do escritor Graciliano Ramos. Detalhe: Graciliano chegou a ser prefeito da cidade entre os anos de 1928 e 1930.

 

Alagoas foi parte da Capitania de Pernambuco até 1817, quando passou a ser uma unidade federativa separada.

 

Alagoas possui uma das maiores concentrações de renda do país, onde os 10% mais ricos detém metade de todas as riquezas do estado.

 

Em 2010, Alagoas estava em último lugar na classificação das unidades federativas por IDH – Índice de Desenvolvimento Humano. Também estava entre os últimos nos rankings relativos à longevidade e educação.

 

Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, Maceió é a 14a cidade mais violenta do Brasil. Ela também está entre as 50 cidades mais violentas da América Latina.

 

Alagoas era no início dos anos 2010 um dos estados com maior porcentagem de jovens do Brasil Cerca de 40% da população constituía-se de pessoas na faixa entra 0 a 14 anos.

 

Uma das principais fontes de renda do estado é a produção de cana-de-açúcar. A pecuária é outra importante fonte.

 

Maceió é a segunda cidade mais procurada pelos turistas que visitam o Nordeste, atrás somente de Fortaleza.

 

A mais extensa barreira de recifes do Brasil encontra-se em Alagoas, mais precisamente na região de Maragogi. Com suas águas cristalinas, ela atrai milhares de turistas todos os anos.

 

Os principais times de futebol do estado são o CSA, de Maceió; o CRB, também de Maceió; o ASA, de Arapiraca; e o Coruripe, da cidade de mesmo nome.

 

Alagoanos famosos: Deodoro da Fonseca, Floriano Peixoto, Graciliano Ramos, Aurélio Buarque de Holanda, Jorge de Lima, Cacá Diegues, Mário Jorge Zagallo, Djavan, Lêdo Ivo, Nise da Silveira, Jofre Soares, Marta Vieira da Silva (jogadora de futebol feminino, conhecida apenas como Marta), Teotônio Vilela, Hermeto Pascoal, Márcio Canuto e Zumbi dos Palmares.

 

Fontes: Wikipédia, Guia do Estudante, Enciclopédia Ilustrada Folha, Exame, UOL, IG.

Share: