Situada no noroeste da África, a Eritreia é um dos países mais jovens do mundo. É também um dos mais pobres, onde boa parte da população sobrevive da agricultura familiar. Conheça mais curiosidades sobre esse pequeno país, sua geografia e sua cultura.

 

O nome Eritreia vem do latim Mare Erythraeum, que significa Mar Vermelho. De fato, o país fica no chamado chifre da África, às margens do Mar Vermelho.

 

A capital da Eritreia é a cidade de Asmara.

 

Cerca de 10% da população vive em Asmara. Entre as cidades mais populosas podemos destacar também Karen e Massawa.

 

As religiões com maior número de seguidores são o islamismo e o cristianismo, com o detalhe de que nenhuma das duas é predominante.

 

Acredite se quiser, mas as Testemunhas de Jeová, Adventistas do Sétimo Dia e bahais são proibidos de professar suas crenças nesse país. Dezenas de Testemunhas de Jeová foram presas em virtude de sua religião.

 

O país não possui nenhuma língua oficial, mas fala-se bastante o árabe e o tigrínio (uma língua semita com parentesco com o hebraico e o árabe).

 

A Eritreia é um estado autoritário governado por um único partido (Frente Popular por Democracia e Justiça/FPDJ). Outros partidos são proibidos de se organizar. Nunca houve eleições por lá.

 

Podemos com toda a certeza dizer que a Eritreia é um dos países mais fechados do mundo. Para fugir da ditadura, milhares de pessoas buscam refúgio em países europeus, principalmente Reino Unido e Suécia.

 

Os refugiados eritreus estão entre as principais vítimas do tráfico de seres humanos no norte da África. Muitos são feitos reféns até que as famílias paguem os devidos resgates, muitas vezes em valores estratosféricos. Alguns são mortos no Mediterrâneo, Península do Sinai ou Israel.

 

A Eritreia já foi dominada por italianos, ingleses, etíopes e outros povos. A independência foi conquistada apenas em 1993 após 30 anos de conflitos com a Etiópia.

 

Vestígios da ocupação italiana podem ser encontrados em quase todo o território eritreu, seja na arquitetura ou na presença de pequenos automóveis da marca FIAT.

 

Cerca de 80% da população vive da agricultura de subsistência.

 

A subnutrição atinge 68% e o analfabetismo, 36% dos eritreus. A maioria da população sobrevive com menos de US$ 1,25 por dia.

 

A população atual (ano de 2018) é de aproximadamente 6 milhões de pessoas.

 

O país possui temperaturas extremas, sendo que Mitsiwa tem temperaturas médias de 30º Celsius e Asmara, a apenas 65 quilômetros dali, de 17º Celsius. Isso ocorre porque a capital eritreia fica a mais de 2 mil metros de altitude.

 

Fontes: Wikipédia, Mochila Brasil, Brasil Escola, UOL Educação.

 

Share: