Com 45,5 milhões de habitantes, São Paulo é o estado mais populoso do país. Sua população é maior do que a de países como a Argentina. Conheça algumas curiosidades sobre a sua geografia, história, população e formação cultural nas linhas e tópicos abaixo.

 

São Paulo é também um dos estados com maior número de municípios: 645, no total.

 

Os municípios paulistas estão organizados, segundo a legislação estadual vigente, em 42 regiões de governo, 14 regiões administrativas e 4 regiões metropolitanas.

 

As 14 regiões administrativas são, pela ordem alfabética: Araçatuba, Barretos, Bauru, Campinas, Central (que inclui as regiões de governo de Araraquara e São Carlos), Franca, Marília, Presidente Prudente, Registro, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Sorocaba.

 

As quatro regiões metropolitanas são: Grande São Paulo, Grande Campinas, Baixada Santista e Vale do Paraíba/Litoral Norte.

 

Os municípios mais populosos do estado são, pela ordem: São Paulo (capital), Guarulhos, Campinas, São Bernardo do Campo, Santo André, Osasco, São José dos Campos, Ribeirão Preto, Sorocaba e Mauá.

 

As cidades mais populosas do interior paulista são, seguindo a ordem: Campinas, São José dos Campos, Ribeirão Preto, Sorocaba, São José do Rio Preto, Jundiaí, Piracicaba, Bauru, Franca e Taubaté.

 

Com uma população de 12 milhões de habitantes (dados de 2015), a capital paulista é a sexta cidade mais populosa do mundo, perdendo apenas para Xangai (China), Bombaim (Índia), Karachi (Paquistão), Déli (Índia) e Istambul (Turquia).

 

Em termos de região metropolitana, São Paulo é a quarta maior do mundo, atrás de Tóquio (Japão), Seul (Coreia do Sul) e Cidade do México (México).

 

A Grande São Paulo (região metropolitana da cidade) engloba 39 municípios, entre eles Guarulhos, Osasco, São Bernardo do Campo, Embu das Artes, Cotia, Suzano, Barueri, Santo André, Rio Grande da Serra, Mairiporã…

 

O estado de São Paulo é responsável por mais de 30% do total de riquezas produzidas no Brasil.

 

A sede do governo estadual é o Palácio dos Bandeirantes, no bairro paulistano do Morumbi.

 

Comumente chamada de Grande ABC, a região do ABC paulista engloba sete municípios. São eles: Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra.

 

O ABC é o terceiro maior polo econômico do Brasil, atrás apenas das cidades de São Paulo e Rio de Janeiro.

 

O município mais populoso do Grande ABC é São Bernardo do Campo, com 811.489 habitantes, e o com menor número de habitantes é Rio Grande da Serra, com 44.084 pessoas.

 

Situado em Santo André, o Polo Petroquímico de Capuava abriga uma grande concentração de indústrias químicas como a Chevron do Brasil, Quattor (ex-Petroquímica União), Recap (Refinaria de Capuava), Cabot, Oxiteno e Air Liquide, entre outras.

Diadema é conhecida pela grande concentração de empresas de cosméticos e beleza. Exemplos: Valmari, Davene, Pierre Alexander, Shizen, Di Larouffe e Nazca.

 

Por falar em Diadema, você sabia que ele é o município com maior densidade demográfica do estado? São 12 688 habitantes por quilômetro quadrado.

 

São Caetano do Sul é, atualmente (dado de 2014) a cidade com a melhor qualidade de vida do Brasil.

 

Fundada em 22 de janeiro de 1532 por Martim Afonso de Souza, São Vicente, na Baixada Santista, é considerada a cidade mais antiga do Brasil.

 

A árvore mais velha do Brasil é um jequitibá-rosa com 3.020 anos que se encontra no Parque Estadual de Vassununga, em Santa Rita do Passa Quatro em SP.

 

O maior santuário mariano do mundo é o de Nossa Senhora Aparecida, na cidade de Aparecida do Norte, Vale do Paraíba.

 

Americana, na região de Campinas, recebeu esse nome por causa do fluxo de imigrantes norte-americanos iniciado com o fim da Guerra de Secessão.

 

O município de maior área do estado de São Paulo – cerca de 1.980 quilômetros quadrados – é Iguape, no litoral sul.

 

Cubatão, na Baixada Santista, foi durante muito tempo a cidade mais poluída do mundo. Hoje, é considerada exemplo no controle da poluição.

 

A Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos é o maior evento do tipo do Brasil. Com repercussão internacional, a festa atrai peões de diversos países.

 

Com 805 habitantes, Borá é o segundo município com menor população do Brasil.

 

O segundo município do Brasil que mais exporta – atrás apenas da cidade de São Paulo – é São José dos Campos, no Vale do Paraíba.

 

São José dos Campos é o maior polo aeroespacial da América Latina. Detalhe: a cidade é sede da fabricante de aviões Embraer.

 

O segundo maior PIB do estado de São Paulo é o de Guarulhos, na Grande SP.

 

O maior e mais movimentado porto da América Latina é o de Santos, na cidade de mesmo nome.

 

Holambra (junção dos nomes Holanda, América e Brasil), cidade da região de Campinas, é a maior produtora de flores e plantas ornamentais da América Latina.

 

Com mais de 1 milhão de habitantes, Campinas não é apenas a cidade mais populosa do interior do estado de São Paulo, mas do interior do Brasil.

 

Cerca de ¼ do PIB do interior de São Paulo se concentra na região de Campinas.

 

A cidade de Campinas concentra 15% da produção científica e é o terceiro maior polo de desenvolvimento científico do Brasil.

 

Vivem no estado de São Paulo – sobretudo na capital – pessoas de mais de 70 nacionalidades. Entre os povos que formaram a população paulista estão portugueses, espanhóis, italianos, árabes e japoneses, além de africanos e ameríndios.

 

São Paulo abriga o maior percentual de descendentes de italianos, árabes, japoneses e chineses do Brasil.

 

A cidade com maior população masculina de São Paulo é Balbinos, no interior. São 420 homens para cada 100 mulheres. Motivo: a criação de dois presídios no município.

 

Santos é a cidade com maior número de mulheres. São 84 homens para cada 100 mulheres.

 

Um em cada três shoppings centers do Brasil estão no estado de São Paulo.

 

Alguns dos pratos mais conhecidos da culinária mineira surgiram no estado de São Paulo.

 

Os bandeirantes eram sertanistas que, durante o Brasil colônia, desbravavam o interior do país em busca de riquezas, escravos e novas áreas de colonização partiam de São Paulo. Há várias referências a esses sertanistas na cidade de São Paulo. Exemplos: Palácio dos Bandeirantes, Avenida dos Bandeirantes, Rodovia dos Bandeirantes, Monumento às Bandeiras…

 

A Mata Atlântica é um dos biomas mais ameaçados do mundo. Hoje, restam apenas 7% dos 1,3 milhão de quilômetros quadrados da floresta original – concentrados, em sua maior parte no Sudeste do país, especialmente em São Paulo, o estado mais populoso do país.

 

Localizada na Serra da Mantiqueira, a Pedra da Mina é a quarta montanha mais alta do Brasil.

 

Os principais rios do estado são: Tietê, Paraná, Paranapanema, Grande, Turvo, Piracicaba, do Peixe, Paraíba do Sul, Pardo, Mogi-Guaçu.

 

Share: