Maior estádio do mundo durante décadas, o Maracanã serviu como palco de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, bem com sediou dois jogos de encerramento de Copa do Mundo. Veja nas linhas a seguir as curiosidades que nós selecionamos sobre esse que ainda é o mais conhecido estádio brasileiro.

 

A palavra maracanã significa, em tupi “maracá” (chocalho) e “nã” (semelhante). Designa o som emitido pelo maracanã-guaçu, uma espécie de papagaio que era muito comum na região.

 

O estádio do Maracanã foi construído numa área outrora chamada pelos índios de Tijuca, que significa “Agua Podre”. De fato, o terreno era bastante pantanoso. Ele foi aterrado quando foi cedido aos jesuítas, os responsáveis pelas primeiras construções no local.

 

No local começou a funcionar ainda no século XIX o Derby Club do Rio de Janeiro, um espaço onde se realizavam corridas de cavalos. Mais tarde, virou “estacionamento” para tanques e carros do exército, além de terreno baldio onde crianças costumavam brincar.

 

Acredite se quiser, mas na época em que foi inaugurado, o Maracanã tinha capacidade para abrigar 10% da população da cidade do Rio de Janeiro.

 

Se empilhados, os sacos de cimento usados na construção do estádio formariam 78 colunas da altura do Corcovado ou duas vezes o tamanho do Pão-de-Açúcar.

 

O primeiro teste ocorreu na véspera de inauguração, numa partida entre engenheiros e operários envolvidos na obra, em 15 de julho de 1 960.

 

O primeiro gol marcado oficialmente foi feito pelo jogador Didi (Waldir Pereira), em 16 de junho de 1 950. Foi uma partida entre as seleções de São Paulo e Rio de Janeiro. Os paulistas venceram, mas o primeiro gol foi dos cariocas.

 

Acredite se quiser, mas a estátua de Bellini na entrada do estádio não corresponde ao jogador de futebol. Ela só ganhou esse nome porque o gesto corresponde ao do ex-capitão da seleção brasileira, feito quando o Brasil ganhou a Copa do Mundo de 1 958.

 

O maior artilheiro da história do estádio é Zico, o Galinho de Quintino, que, em 435 jogos marcou 333 gols.

 

O Maracanã abrigou duas partidas de encerramento de Copa do Mundo da Fifa, em 1 950 e 2 014. O único estádio onde isso chegou a ocorrer até então foi o Azteca, na Cidade do México.

 

Quando foi inaugurado, o Maracanã podia receber 200 mil pessoas. Com as reformas para a Copa do Mundo de 2 014, esse número diminuiu para menos da metade: 73,5 mil.

 

O público presente na partida entre Brasil e Uruguai, durante a final da Copa do Mundo de 1 950, foi de 199.854 torcedores.

 

O Maracanã serviu de palco para diversos shows, entre os quais o de Frank Sinatra, em 1 980, que reuniu 170 mil pessoas. Por sinal, o segundo Rock in Rio ocorreu no estádio. O festival foi realizado em 1 991.

 

A lama resultante das perfurações feitas durante as obras para a Copa do Mundo de 2 014 foi transformada em 2,1 milhões de tijolos e 560 mil telhas. Três quartos do material de demolição foi reutilizado na própria obra.

 

O Maracanã foi palco do milésimo gol de Pelé, marcado numa partida entre Santos e Vasco, realizada em 19 de novembro de 1 969.

 

Fontes: Wikipédia, Globo Esporte, O Globo, Veja Rio.

 

Share: