Localizada às margens do mar Báltico, a Estônia é um pequeno país europeu. Foi uma das 15 repúblicas da União Soviética. Possui uma formação étnica e linguística interessante. Veja nos tópicos a seguir alguns fatos curiosos sobre esse país de apenas 1,3 milhão de habitantes.

 

A Estônia possui 1,3 milhão de habitantes, quase 10 vezes menos do que a cidade brasileira de São Paulo.

 

A capital e cidade mais populosa é Tallin.

 

A população estoniana é formada por diversos grupos étnicos, sobretudo estonianos, seguidos de russos, ucranianos e bielo-russos.

 

A língua estoniana pertence ao fino-úgrico, um grupo diferente das demais línguas europeias. Está mais próxima do finlandês do que de línguas como o inglês e o português, ambas do grupo indo-europeu.

 

A Estônia possui um litoral de 3,9 mil quilômetros que, somado às 1 520 mil ilhas do seu litoral, 45 mil quilômetros quadrados.

 

A Estônia foi um dos países bálticos que fizeram parte da União Soviética. Hoje é ao lado da Letônia e Lituânia membro da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte).

 

A religiosidade anda totalmente em baixa por lá, isso porque apenas 14% dos estonianos alegam possuir uma religião.

 

Acredite se quiser, mas o transporte público de Tallin é totalmente gratuito. Qualquer cidadão pode se locomover de cima para baixo sem pagar nada.

 

Praticamente todas as escolas da Estônia possui conexão Wi-fi.

 

Grande parte do território estoniano é formado por ilhas, além de florestas. As florestas, aliás, cobrem 50% de todo o seu território.

 

O clima é ameno, pelo menos para os brasileiros. No verão, as temperaturas dificilmente ultrapassam os 25º Celsius. Durante o mês de fevereiro, auge do inverno, a temperatura média é de -9º Celsius.

 

O relevo é plano, com altitudes que dificilmente ultrapassam os 300 metros. O detalhe é que essa imensa planície estoniana é, assim como boa parte dos territórios bálticos, coberta por lagos.

 

Fontes: Wikipédia, Mega Curioso, Almanaque Abril.

Share: