Situado no sul da Ásia, Myanmar foi durante muito tempo conhecido como Birmânia. Faz fronteira com países como a China, Índia, Tailândia e Laos. Descubra os dados, informações e curiosidades a seu respeito através das curiosidades que selecionamos para você.

 

O nome oficial do país é República da União de Myanmar.

 

Myanmar foi durante muito tempo conhecida apenas como Birmânia. O nome foi alterado recentemente pela junta militar que governou o país, mas não obteve o reconhecimento geral. Sendo assim, Myanmar é ainda chamado em muitos países de Birmânia ou Burma.

 

A capital do país é Naypyldaw (Nepiedó, em português). Até 2006, Myanmar tinha como capital a cidade de Rangun.

 

A cidade mais populosa é Yangon, com mais de 4 milhões de habitantes em 2015. Um detalhe: isso representa mais da metade da população do país.

 

A maior parte da população pertence à etnia birmanesa (68%) e segue a religião budista (89%).

 

O ramo budista praticado pelos birmaneses é o theravada, o mais conservador. Cristãos e muçulmanos sofrem perseguição constante, além de que enfrentam dificuldades maiores para obter cargos públicos.

 

Myanmar é um país jovem, cuja independência do Reino Unido só foi conquistada no ano de 1948.

 

O país teve um presidente eleito democraticamente somente em 2015, depois de 50 anos de regime militar.

 

A base da economia é a agricultura, que responde por 36% do Produto Interno Bruto. O produto agrícola mais importante é o arroz, que, além de utilizado na culinária local, é exportado para diversos países.

 

Estrangeiros que visitam Myanmar são obrigados a se hospedar em hotéis e hostels registrados pelo governo. Não podem de modo algum procurar hospedagens em residências ou hotéis sem registro.

 

As pessoas têm o hábito de mascar noz de areca com betel e depois cuspi–la no chão. Como a massa é avermelhada, muitas fica com os dentes nessa tonalidade.

 

O clima predominante, principalmente no sul e sudeste, é o tropical. O sudeste é a região com maior quantidade de chuvas de monções. Por sinal, Myanmar foi em 2008 atingido por um ciclone de proporções devastadoras, que deixou um rastro de mais de 100 mil mortos.

 

Florestas tropicais são abundantes no país. Entre os animais comuns nessas matas de difícil penetração estão os elefantes asiáticos, tigres, búfalos, rinocerontes asiáticos, leopardos e gatos selvagens.

 

O principal rio do país é o Irrawady (ou Irauádi, em português). Com 2.170 quilômetros de extensão, ele nasce nas encostas do Tibete e deságua no oceano Índico. É em suas margens que se encontra a maioria da população birmanesa.

 

Share: