Localizado aos pés da Cordilheira dos Andes, o Chile é um dos países com melhor qualidade de vida da América Sul. Sua capital é Santiago. Percorra os tópicos adiante e veja algumas curiosidades e fatos pitorescos sobre esse interessante país.

 

A palavra Chile surgiu de “tchilli”, palavra do idioma dos mapuches que significa “lugar onde a terra termina”.

 

A maior e mais populosa cidade do Chile é a capital Santiago, onde vive 1/3 dos habitantes do país.

 

Além de Santiago, as cidades mais populosas são Concepción, Valparaíso, La Serena e Antofagasta.

 

Apesar de localizada na Polinésia (ou seja, em um dos pontos mais distantes do Oceano Pacífico em relação a América do Sul), a Ilha de Páscoa faz parte do território chileno.

 

O território chileno é parte do chamado Cinturão de Fogo do Pacífico, região no entorno do Oceano Pacífico sujeita a vulcanismo e terremotos. Aliás, o terremoto mais forte registrado até hoje ocorreu em terras chilenas.

 

O Chile é um dos países do mundo com maior quantidade de vulcões em seu território. Entre ativos e inativos, existem cerca de 15 vulcões no país.

 

Com 9,5 graus na escala Richter, o mais forte terremoto registrado até hoje ocorreu no Chile em 1960.

 

A bandeira chilena é quase idêntica ao do estado norte-americano do Texas.

 

Os brasileiros podem se gabar de ter conquistado cinco Copas do Mundo, mas, ao contrário dos chilenos, nunca levou um prêmio Nobel. O Chile, ao contrário, teve a honra de conquistar dois prêmios Nobel de literatura, ganhados por Pablo Neruda e Gabriela Mistral.

 

Ao lado do Brasil e da Argentina, o Chile foi um dos países latino-americanos que mais recebeu imigrantes de origem europeia. Mais de 90% da população local possui antepassados na Espanha, Alemanha, Itália, Reino Unido, Portugal e outros países europeus.

 

O deserto mais árido do mundo fica no Chile. Alguns estudiosos afirmam que uma área do Deserto de Atacama passou incríveis 571 anos sem ver uma gota de chuva. Outro detalhe sobre o Atacama: as temperaturas podem varias de 40º Celsius ao dia a 0º Celsius à noite.

 

O Atacama é uma das regiões com maior número de telescópios do mundo. Muitas das mais importantes descobertas da astronomia foram feitas graças a telescópios instalados lá, como o La Sila. Em 2011, foi inaugurado o Atacama Large Millimeter Array, com 64 antenas que, juntas, funcionam como um único radiotelescópio gigantesco.

 

A maior mina a céu aberto do mundo é a chilena Chuquicamata. Ela é uma gigantesca cratera com 4 quilômetros de comprimento e 2 de largura, com profundidade de 780 metros. Ela trabalha as 24 horas do dia e de lá saem 1.000 toneladas diárias de minério de cobre.

 

Segundo o Guiness Book (o conhecido livro dos recordes), a maior piscina do mundo fica no Chile. Localizada no resort San Alfonso Del Mar, a piscina tem nada mais nada menos que 1 quilômetro de extensão, 250 mil metros cúbicos de água e capacidade de 6 mil piscinas normais de fundo de quintal.

 

Alguns dos melhores vinhos do mundo são produzidos no Chile.

 

Construído na capital chilena, o edifício Costanera, com 300 metros de altura, é atualmente o arranha-céu mais alto da América Latina.

 

O Chile foi o único país da América Latina a participar da primeira edição dos Jogos Olímpicos modernos, em 1896, na cidade de Atenas. No entanto, a primeira medalha de ouro do país viria apenas 108 anos depois na mesma cidade de Atenas (Jogos Olímpicos de 2004).

 

O esporte mais popular do Chile é o futebol. Até hoje o país participou de sete Copas do Mundo. Foram 25 jogos no total, dois contra o Brasil.

 

O Chile sediou a Copa do Mundo de 1962. O campeão? Brasil. Os chilenos ficaram em terceiro lugar.

 

Não é obrigatório visto e passaporte para entrar no Chile e Argentina, bastando o RG brasileiro. Mesmo assim, recomenda-se que leve o passaporte.

 

Personalidades nascidas no Chile: Pablo Neruda (poeta), Gabriela Mistral (poetisa), Isabel Allende (escritora), Roberto Bolaño (escritor), Tom Araya (vocalista da banda de thrash metal Slayer).

 

Fontes: Wikipédia, Viagem e Turismo, Mega Curioso.

 

Share: